Na quarta-feira (17) acontece na Câmara Municipal a audiência pública para debater o Projeto de Lei sobre o direito ao parto humanizado.

O Movimento pela Humanização do Parto e Nascimento em Natal elaborou coletivamente o Projeto de Lei 30/2017 levando em consideração as recomendações científicas atualizadas e as diretrizes de órgãos nacionais e internacionais ligados à área da saúde. No PL é proposto, principalmente, que as diretrizes sejam colocadas em prática em âmbito municipal, para que possam chegar à população de Natal.

A mobilização das vereadoras e vereadores à causa da humanização do parto é fundamental, tamanha sua importância para a saúde da mulher e do bebê.

Esperamos que a aprovação do PL tenha impacto positivo na redução de intervenções desnecessárias ao parto e as complicações decorrentes, diminuição dos casos de violência obstétrica e melhoria dos índices de mortalidade neonatal.

Articulação do coletivo pela Humanização do Parto e Nascimento em Natal e da Associação Potiguar de Doulas.

Informação extraida do facebook.

Boletim De Volta às Raízes

20080110125352

Notícias

 

//
Google Analytics Alternative