Audiência Pública pela redução dos agrotóxicos em Chã Grande

Com objetivo de reduzir o uso abusivo de agrotóxicos no município de Chã Grande e região, lideranças das comunidades rurais de Palmeiras e Frexeiras, assessoradas pelo Centro Nordestino de Medicina Popular (CNMP), realizaram Audiência Pública na Câmara de Vereadores, nesta segunda-feira (8). O evento contou com as presenças de parlamentares, autoridades locais, agricultores e agricultoras.

Segundo a coordenadora pedagógica do CNMP, Solô Paiva, a ação foi programada durante oficina de planejamento na qual os grupos assessorados pelo projeto Caminhos para Alimentação Saudável apresentaram as atividades de incidência política mais adequadas à realidade das suas comunidades. Ao todo, as duas comunidades rurais de Chã Grande reúnem mais de 170 famílias.

Segundo a agricultora Raminha, algumas famílias dessas comunidades já estão fazendo a transição da monocultura para a agroecologia. “É um processo que leva entre 12 e 15 anos, tempo necessário para limpar a contaminação do solo e das águas como o uso prolongado de veneno”, explica Raminha.

Um depoimento que chamou a atenção durante a Audiência foi do agricultor Edvar dos Santos, do Sítio Palmeiras. “Tem uma praga acabando com o nosso tesouro, que é nossa família. Essa praga é o agrotóxico”, afirma Edvar, que a esposa contraiu câncer mama devido ao uso de agrotóxicos.

Segundo o presidente da Câmara, vereador Jorge Luís, Chã Grande registra grande incidência de câncer. “É alarmante o número de pessoas que morrem pelo uso indiscriminado de agrotóxico”, salientou Jorge Luís. O secretário municipal de Agricultura, José Emerson, destacou os prejuízos para o desequilíbrio ambiental da região. “Em Frexeiras há nascentes que hoje se resumem a olhos d’água”.

Ao final do encontro, a educadora do CNMP, Edjane Araújo, apresentou um Termo de Compromisso para ser pactuado entre o município, o legislativo e a sociedade civil organizada, no sentido de promover ações que reduzam a utilização de agrotóxicos. O documento foi assinado pelo representante do prefeito, Sérgio Fernandes, o secretário de Agricultura, José Emerson, o presidente da Câmara, Jorge Luís, além das representantes do CNMP e das famílias agricultoras.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *