CNMP realiza Oficina de Hortas Orgânicas

Com objetivo de estimular a produção de hortas urbanas e ações de multiplicação, o Centro Nordestino de Medicina Popular (CNMP) realizou, na segunda (30) e terça (1), duas Oficinas de Produção de Hortas Orgânicas com os grupos assessorados na Região Metropolitana. A iniciativa, que faz parte do projeto Direitos e Desafios para Alimentação Adequada e Saudável, contou com ensinamentos teóricos e práticos, que aconteceram na sede do CNMP, em Olinda, com todos os cuidados sanitários que a pandemia exige.

De acordo com o técnico em agropecuária, Jakson Reis, as Oficinas trabalharam conhecimentos sobre o manejo agroecológico de forma simples, para que as pessoas possam produzir as suas próprias mudas, utilizando sementes que já têm em casa, como as do tomate e pimentão. Também foi realizado o plantio de mudas já produzidas e como se faz a plantação utilizando garrafas pet.

Para Everton, agricultor urbano ligado ao Cefompe, a oficina trouxe novos conhecimentos. “Aprendemos o manejo agroecológico de forma simples, a compostagem da matéria orgânica, cobertura morta, plantio consorciado de plantas medicinais e alimentícias. Foi um ótimo proveito em curto tempo”, explicou Everton.

Segundo a coordenadora do projeto, Solô Paiva, a meta estabelecida para os grupos da RM é conseguir produzir de 15 hortas, além das capacitações em segurança alimentar e nutricional, que estão sendo realizadas de forma online.

Para a educadora do projeto, Edjane Araújo, o propósito dessa ação e levar às pessoas à reflexão. “Plantar na cidade é possível, se alimentar bem na cidade sem depender dos supermercados também é possível. Com isso, estamos estudando a segurança alimentar e nutricional, fazendo com que as pessoas entendam que alimentação saudável é um direito e não uma mercadoria”, ressaltou.

#alimentacaosaudavel #AgroecologiaÉVida #cnmp

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *