Virada Cultural em Moreilândia

As Viradas Culturais do projeto Caminhando Contra a Violência as Mulheres no Sertão do Araripe, realizado pelo Centro Nordestino de Medicina Popular, é um momento de grande pluralidade de atividades artistas e culturais com uma finalidade muito importante: fazer com que adolescentes, jovens e adultos reflitam sobre a violência contra a mulher. Violência essa que muitos e muitas já convivem desde de criança. E tão “naturalizada”, dificilmente, conseguem enxergar e combater.

Neste último dia 10 de dezembro, o projeto realizou a primeira Virada Cultural do município de Moreilândia, na Escola Estadual Maria Luiza de Brito, no distrito de Carirrimirim. A abertura da Virada foi com uma mesa de debate sobre a Violência Contra as Mulheres e contou com representantes da Secretaria de Assistência Social de Moreilândia, da Coordenadoria Regional da Mulher de Pernambuco e de gestores da escola.

Em seguida, a Virada Cultural deu continuidade às atividades com oficinas de grafitagem, hip hop, libras, teatro, produção de instrumentos musicais, lambe-lambe e serigrafia. Em todas as atividades foram disponibilizados álcool 70 e máscaras.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *