Fortalecimento institucional para Associação da Serra do Mandacaru

Fortalecimento institucional para Associação da Serra do Mandacaru

O Projeto Caminhando Contra a Violência as Mulheres no Sertão do Araripe pernambucano, realizou, dias 30 de abril e 1° de maio, a sua segunda Oficina de Fortalecimento Institucional, com a Diretoria da Associação Comunitária da Serra do Mandacaru, em Moreilândia.

O grupo teve a oportunidade de dialogar sobre suas vivências, relatando os desafios enfrentados durante esses dois anos de pandemia. Os impactos na vida da comunidade, sobretudo para as mulheres. Outros problemas estão atingindo duramente essas famílias: o alto do custo de vida provocado pela inflação, o aumento do desemprego, da fome e a desvalorização dos produtos da agricultura familiar, neste momento em que as famílias campesinas deveriam ter mais assistência com políticas públicas efetivas para garantir sobrevivência e gerar renda.

Outra questão trazida pelo grupo foi o problema causado pelo distanciamento social. Associados e associadas tiveram que se afastar da entidade. “Foram dois dias de muita reflexão e busca de estratégias para superar as dificuldades apontadas”, afirma Claudia Xenofonte, educadora do projeto. Para a diretoria da Associação, será necessário muito compromisso e força de vontade para, aos poucos, superar essa difícil conjuntura.

  1. O Projeto Caminhando Contra a Violência as Mulheres do Sertão do Araripe é desenvolvido pelo Centro Nordestino de Medicina Popular, em quatro municípios da região, e tem o apoio de Brot für die Welt.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tradução

DOAÇÃO

Doar é construir, entregar-se, lutar de mãos dadas por um mundo melhor,
mais humano e mais saudável, onde todas e todos possamos ser.

Banco Bradesco

AG. 1599-7

CC. 18907-3

CNPJ 24.060.964/0001-93